8 de abril de 2012

PERDA DE TEMPO


Não procure me compreender.
Não tente me entender.
Isso é perda de tempo.
Eu sou como o Amor e a Arte.
Não sou para ser compreendida; 
não sou para ser entendida.
Sou para ser sentida.

Janaína da Cunha
07/04/2012

Um comentário:

Carlos Orfeu disse...

Concerteza estimada e grande poeta
É para ser sentida.
Em seus poemas que passam a emoção
de uma mulher forte e guerreira
uma flor que carrega a força da essencia da mulher,em seus poemas sentimos a doçura,ao mesmo tempo de ir avante aos caminhos e nunca desistir.

E concerteza eis para ser sentida
lida,proferida
aos cantos dos quatro ventos
em seus poemas carregam toda as vozes reunidas de infinitas mulheres de luta.

Luiz Carlos